ESPORTE

Logomarca

NOTÍCIAS - ESPORTE

Guarani aguarda notificação da FMF sobre possível punição com perda de pontos

04/10/2021

imprimir Facebook Twitter
Capa

A diretoria do Guarani aguarda notificação da Federação Mineira de Futebol (FMF) para se manifestar sobre possível punição por ter inscrito um jogador a mais para a disputada do Campeonato Mineiro do Módulo 2. 

Na semana passada o Aymorés, de Ubá, denunciou o Guarani por causada infração e o caso já está nas mãos da procuradoria da entidade, que dará, nos próximos dias, seguimento ou não ao processo. 

O regulamento permite a inscrição de 30 atletas, e o Guarani inscreveu 31. Se for punido com a perda de três pontos, o Guarani cairá para à Segunda Divisão (equivalente à terceira) no lugar do Aymorés. 

O Guarani se salvou do rebaixamento na última rodada da fase de classificação, vencendo o Tupi, por 2 a 1, em Divinópolis. Com a vitória, o Bugre terminou o campeonato na sexta posição, com 13 pontos. Caso perca três pontos, ficará com 10, atrás do Aymorés, rebaixado com 11 pontos. Nesse caso, o Bugre cairia no lugar do time de Ubá.  

O QUE DIZ O REGULAMENTO

Segundo o artigo 18 do Regulamento Específico da Competição (REC), o limite máximo de jogadores que poderiam disputar o torneio por uma equipe era de 30 atletas. Até a nona rodada, o Guarani teria registrado 27 jogadores. Contudo, para a partida contra o Democrata-GV, pela décima rodada, quatro novos nomes constaram em súmula, totalizando 31.

O artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (STJD) prevê, neste caso, a "perda do número máximo de pontos atribuídos a uma vitória no regulamento da competição (ou seja, três pontos) independentemente do resultado da partida".


 1 2 3 4 Fim